Como está organizado

Da Secretaria Executiva do Comitê Nacional em Brasília, há a integração com as mais de 60 entidades que compõem a rede nacional do MCCE e também com os comitês estaduais, municipais e locais em todas as regiões do país.

Secretaria Executiva do Comitê Nacional

Fundada em agosto de 2006 e oficializada em abril de 2007, é uma associação civil sem fins lucrativos e econômicos, democrática e pluralista, com duração ilimitada, com sede na SAS Quadra 5, Lote I, Bloco M, Edifício Anexo da Sede do Conselho Federal da OAB, em Brasília/DF, e foro em todo o território nacional, podendo ser criados escritórios regionais quando e onde se fizerem necessários.

Tem como finalidade apoiar e fortalecer políticas e ações do Comitê Nacional do Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral – MCCE.

– Diretoria colegiada do MCCE:

  • Carlos Alves Moura – CBJP (Comissão Brasileira de Justiça e Paz)
  • Luciano Caparroz Pereira Santos – CSDDH (Centro Santo Dias de Direitos Humanos)
  • Miguel Angelo Martins Lara – CFC (Conselho Federal de Contabilidade)

– Suplência de Diretoria:

  • Anselmo Cordeiro Lopes (titular) e Carlos Bruno Ferreira da Silva (suplente) – ANPR (Associação Nacional dos Procuradores da República)
  • Ivaneck Peres Alves (titular) e Adriana Borba Fetzner (suplente) – Contag (Confederação Nacional dos Trabalhadores na Agricultura)

– Conselho Fiscal:


  • José Vílmore Silva Lopes Júnior – CFF (Conselho Federal de Farmácia)
  • Márlon Jacinto Reis – AMB (Associação dos Magistrados Brasileiros)
  • Hugo Carvalho Moreira – Sinait (Sindicato Nacional dos Auditores-Fiscais do Trabalho)

– Suplência do Conselho Fiscal:

  • Roberto Carvalho Veloso – Ajufe (Associação dos Juízes Federais do Brasil)
  • Cáritas Brasileira

– Secretaria Executiva do MCCE:

  • Eliane M. Carvalho – Assessora da Diretoria
  • Sandro J. Meireles – Assessor de Comunicação

Comitê Nacional

O Comitê Nacional do Movimento de Combate à Corrupção é composto por mais de 60 entidades cuja atuação se estende por cidades e capitais em todas as regiões do país. Com sede em Brasília, é ele quem acompanha de perto a atuação do Tribunal Superior Eleitoral e mantém contato com os responsáveis pela adoção de medidas que favoreçam a lisura do processo eleitoral em todo o Brasil.

Ao Comitê Nacional compete acompanhar a criação e a manutenção dos trabalhos dos Comitês do MCCE.

• Comitês

Eles são conhecidos como Comitês 9840 (referencia à lei da “compra de votos”, Lei nº 9840/99) ou Comitês MCCE e exercem um importante papel de fiscalização, educação popular e monitoramento do orçamento público e da máquina administrativa.

São mais de 300 comitês estaduais, municipais e locais. Os comitês estão presentes em todos os estados brasileiros e são constituídos de forma voluntária por representantes da sociedade civil, pastorais, sindicatos, associações e outros grupos organizados.